Álvaro Macieira

© 2019 Todos os direitos reservados

  • Álvaro no Facebook
  • Álvaro no Instagram

 Álvaro Macieira

1/21
1/45
 
Nota Biográfica

Álvaro Macieira é  jornalista, escritor, artista plástico e consultor cultural. Nasceu a 13 de Maio de 1958, na vila de  Sanza-Pombo, Município do Pombo, na Província do Uíge, Norte de Angola.

O paradigma da sua inspiração pictórica é a poesia, a filosofia dos provérbios, os contos, as histórias que ouviu na sua infância rural, o contacto com as artes e as tradições africanas, as viagens, os museus que tem visitado pelo mundo e os lugares e sítios de memória.

Foi Editor de Cultura na ANGOP.

Colaborou para a Rádio Nacional de Angola, TPA - Televisão Pública de Angola e Tribuna Cultural da BBC - Londres, em Língua Portuguesa.

 

É membro da UEA - União dos Escritores Angolanos e da UNAP - União Nacional de Artistas Plásticos.

 Publicou três livros:

“Castro Soromenho: Cinco Depoimentos”, “Cantos de Amor” e Séculos de Amor"

Projectos e Exposições

“ África Mitológica”, onde o artista pesquisou as mitologias angolanas e africanas, tendo realizado a sua primeira exposição no Instituto Camões de Luanda
 

“ Terra Una” e Signos da Terra”, duas exposições e projectos que se realizaram no Salão Internacional de Exposições do Museu de História Natural, em Luanda, sustentando a ideia da unidade nacional
 

“Catanas da Paz”, instalação e exposição de pintura realizada em 2002, simbolizando o primeiro 4 de Fevereiro (data do início da luta de libertação nacional) vivido pelos angolanos, em paz e concórdia
 

“ Terra Azul”, exposição de pintura realizada em 2003 no átrio da sede do BPC - Banco de Poupança e Crédito, em Luanda. As telas estão todas distribuídas pelas dependências do Banco em  todo o país
 

“Luanda, Kianda - Cores da Terra”, em 2009, patrocinada pela Sonangol e realizada no seu novo edifício-sede na capital angolana, em homenagem à cidade capital de Angola
 

Mabo-Meto, exposição itinerante com o pintor alemão Horst Poppe, falecido há dois anos

África Yeto Kwuia, exposição em Luanda, 2010. Instituto Camões
 

Angola - Muxima Uami, - Angola, meu coracção... Exposição no Instituto Camões, em Luanda, de 01 a 15  em Outubro de 2013
 

Angola – Ngassaqkidila - Exposição de Pintura no Memorial Agostinho Neto, 2016
 

ArtefactoParilhados. Exposição de pintura e instalação – Camões Centro Cultural Português de Luanda. Com Paulo Amaral em Homenagem a Horst Poppe. De 29 de Janeiro a 19 de Fevereiro 2016